O Botafogo será responsabilizado pela série de tumultos que aconteceram no clássico diante do Flamengo, na última quinta-feira, pelo Brasileirão.

De acordo com Felipe Bevilacqua, procurador do STJD, o Alvinegro será enquadrado no artigo 213, que diz respeito a deixar de tomar providências capazes de prevenir e reprimir.

O procurador, porém, vai além, e afirma que o Estádio Nilton Santos pode ser interditado.

Não há risco, contudo, que a partida entre Botafogo e Avaí, marcada para a próxima segunda-feira, no Estádio Nilton Santos, mude de lugar.

De acordo com Felipe, a procuradoria do STJD ainda não possui nenhuma prova que possa interditar, de fato, a arena.

Mas não podemos deixar de avaliar a segurança que foi feita no dia do jogo e nos locais reservados.

Existir, existe, mas tem que avaliar com cuidado essa parte tendo em vista que, primeiro, não uma situação que está provada; segundo, tem que saber se esses torcedores foram unicamente para curtir por conta de uma represália ou de pouca quantidade de ingressos da torcida adversária ou se foram para criar tumulto; e terceiro, o fato da pessoa ser flamenguista e estar assistindo um jogo não justifica que ele tenha que ser agredido ou morto.

Este artigo foi resumido em 57%

Originalmente Publicado: 8 de Novembro de 2019 às 19:06

Fonte: Lance.com.br