A polícia do Paraguai prendeu na tarde desta terça-feira em Yby Yaú quatro brasileiros suspeitos de terem dado apoio fugitivos que escaparam do presídio de Pedro Juan Caballero, na fronteira com o município sul-mato-grossense de Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o jornal ABC Color, os brasileiros estavam acompanhados de um paraguaio.

O grupo transitava em um carro e em uma picape Toro, transportando duas pistolas calibre nove milímetros, uma da marca Glock e outra Taurus.

A prisão ocorreu por volta das 14 horas e os suspeitos foram encaminhados sede de Investigação Criminal em Pedro Juan Caballero, para serem oficialmente identificados.

Por volta das 5 horas da madrugada de domingo, 76 detentos membros do PCC fugiram através de um túnel.

Mais de 70 metros escavados, mais de 200 sacos de areia deixados em uma das celas da penitenciária e o fator mais questionado foi se nenhum agente penitenciário viu a fuga ou mesmo a escavação ou sequer suspeitou.

Até o momento, seis deles foram recapturados no Paraguai e Mato Grosso do Sul.

Este artigo foi resumido em 10%

Originalmente Publicado: 21 de Janeiro de 2020 às 19:38

Fonte: Midiamax.com.br