Pais e professores esperam notícias após tumulto em escola primária no Quênia deixar crianças mortas por pisoteamento nesta segunda-feira - Foto: Stringer/Reuters.

Um tumulto em uma escola primária de Kakamega, no oeste do Quênia, deixou ao menos 14 crianças mortas por pisoteamento, segundo a polícia local.

“Iniciamos uma investigação para descobrir exatamente o que aconteceu”, afirmou agência France Presse o chefe da polícia local, David Kabena.

O incidente ocorreu por volta das 17h, quando os estudantes deixavam a escola.

Um movimento de pânico ocorreu por uma razão ainda desconhecida.

Segundo o jornal queniano “Daily Nation”, algumas crianças caíram do terceiro andar enquanto corriam.

A Cruz Vermelha do Quênia, que informou no Twitter uma “Debandada mortal na escola primária de Kakamega”, participa das operações de socorro.

Este artigo foi resumido em 5%

Originalmente Publicado: 3 de Fevereiro de 2020 às 16:55

Fonte: Globo