Em decreto, Jair Bolsonaro mudou as regras para a utilização de aviões da FAB por autoridades.

Poderão solicitar o uso das aeronaves da FAB o vice-presidente da República, os presidentes da Câmara, Senado e STF, todos os ministros, o comandante das Forças Armadas e o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas;.

Interinos ou substitutos não poderão solicitar o uso das aeronaves;.

O ministro da Defesa poderá autorizar o uso dos aviões para outras autoridades, sejam nacionais ou estrangeiras;.

As aeronaves poderão ser solicitadas em três ocasiões, com a devida justificativa: emergência médica, segurança ou viagem a serviço;.

proibido, em definitivo, o uso de aeronaves da FAB para deslocamento ao local de residência do solicitante.

Ficará a cargo da autoridade solicitante os critérios utilizados para o preenchimento das vagas remanescentes da aeronave.

Este artigo foi resumido em 28%

Originalmente Publicado: 7 de Março de 2020 às 08:15

Fonte: Oantagonista.com