Em meio ao anúncio de medidas emergenciais no Brasil e no exterior, o mercado financeiro teve o segundo dia seguido de trégua.

A bolsa de valores, que ontem subiu 9,66% , saltou 7,5% hoje e voltou a superar os 70 mil pontos.

O índice, que alcançou o maior nível em 12 dias, chegou a operar com alta de quase 10% durante a tarde, mas desacelerou nas horas finais de negociação.

O fechamento de um acordo para a aprovação de um pacote de US$ 2 trilhões para reativar a economia dos Estados Unidos ajudou o mercado em todo o mundo.

No Brasil, o mercado continua a reagir ajuda emergencial de R$ 88,2 bilhões para estados e municípios e injeção de R$ 1,2 trilhão na economia anunciada ontem pelo Banco Central.

A edição de medidas provisórias para flexibilizar a legislação trabalhista durante a crise aliviam a perda do valor de ações de diversas empresas.

Por volta das 18h, a cotação estava em US$ 27,32, com alta de 0,63%. As ações da Petrobras, as mais negociadas na bolsa, que ontem subiram cerca de 15%, continuaram em alta.

Este artigo foi resumido em 61%

Originalmente Publicado: 25 de Março de 2020 às 22:12

Fonte: Ebc.com.br