O diretor narrativo de Assassin’s Creed Valhalla confirmou que ambas as versões masculina e feminina do protagonista Eivor são canônicas - ou seja, os dois existem oficialmente na história.

Opções de gênero vêm sendo debatidas entre os fãs por causa de Assassin’s Creed Odyssey.

O personagem que não escolhido pelo jogador em Odyssey se torna vilão de uma campanha secundária; esta foi a maneira encontrada pela Ubisoft de manter ambos na história.

Por enquanto, não há como saber como Valhalla irá abordar a questão dos dois protagonistas.

Leia mais: Assassin’s Creed Valhalla não terá batalhas navais.

Apesar de ambos os protagonistas serem canônicos, o material de marketing da Ubisoft foca majoritariamente no Eivor masculino.

Para mais sobre Assassin’s Creed Valhalla, que chega no final de 2020 para PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X, PC e Stadia, confira tudo que aprendemos com o primeiro trailer.

Este artigo foi resumido em 50%

Originalmente Publicado: 1 de Maio de 2020 às 14:02

Fonte: IGN