BRASÍLIA - A Dataprev e o Ministério da Cidadania autorizaram o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 para 50,5 milhões de pessoas de um total de 97 milhões requerimentos analisados.

O benefício foi negado para 32,8 milhões de pessoas, e outras 13,7 milhões terão que refazer o cadastro no aplicativo e site da Caixa Econômica Federal por causa de inconsistência no preenchimento dos dados.

Entre os requerimentos aprovados, 20,52 milhões são de informais que não aparecem no cadastro do governo, 19,2 milhões são beneficiários do Bolsa Família e 10,8 milhões são trabalhadores inscritos no Cadastro Único do Ministério da Cidadania.

A Dataprev informou que analisou 97,7% dos 46 milhões de cadastros enviados pela Caixa até o dia 22 de abril.

Até a manhã desta sexta-feira, foram finalizados na Caixa 50,2 milhões de cadastros.

Os dados estão sendo repassados aos lotes Dataprev para cruzamento de dados e repassados Cidadania para autorização do pagamento.

A Caixa informou que já creditou R$ 35,5 bilhões para um universo de 50 milhões de pessoas.

Este artigo foi resumido em 43%

Originalmente Publicado: 1 de Maio de 2020 às 20:55

Fonte: Globo