MOSCOU - A Rússia está se preparando para iniciar uma campanha de vacinação em massa contra o novo coronavírus em outubro, disse o ministro da Saúde, Mikhail Murashko, neste sábado.

Uma fonte disse Reuters, nesta semana, que a primeira vacina em potencial contra Covid-19 de Rússia, desenvolvida por um centro de pesquisa do estado, teria a aprovação regulatória local em agosto e seria administrada aos profissionais de saúde logo em seguida.

Dezenas de possíveis vacinas contra o coronavírus estão sendo desenvolvidas em todo o mundo e mais de 20 estão atualmente em ensaios clínicos.

No entanto, o diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos EUA, Anthony Fauci afirmou, recentemente, que pouco provável que seu país use uma vacina desenvolvida por um desses países, onde, segundo ele, os sistemas de regulação são mais opacos do que no Ocidente.

Há uma corrida global para o desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19.

Como parte de seu projeto “Operation Warp Speed”, o governo dos EUA pagará aos laboratórios Sanofi e GSK até US$ 2,1 bilhões para desenvolver uma vacina contra a COVID-19, disseram as empresas farmacêuticas.

Como parte de seu projeto “Operation Warp Speed”, o governo dos EUA pagará aos laboratórios Sanofi e GSK até US$ 2,1 bilhões para desenvolver uma vacina contra a Covid-19, disseram as empresas farmacêuticas também na sexta.

Este artigo foi resumido em 58%

Originalmente Publicado: 1 de Agosto de 2020 às 14:18

Fonte: Globo