O vice de futebol do Grêmio, Paulo Luz, disparou contra o árbitro Rafael Traci após o empate em 0 a 0 com o São Paulo na noite deste sábado, no Morumbi, pela 17ª rodada do Brasileirão.

As decisões de Traci, conforme o dirigente, tiveram reflexo após a incursão de uma comitiva do São Paulo na CBF para discutir com o presidente da comissão de arbitragem, Leonardo Gaciba.

A conversa entre o clube paulista e o dirigente da entidade, na visão gremista, influenciou no que ocorreu no Morumbi.

O senhor Rafael Traci foi árbitro do VAR em um jogo entre Atlético-MG x São Paulo e teria anulado um gol do São Paulo, orientando o árbitro de campo.

O executivo do São Paulo, senhor Raí, com um diretor do clube, esteve na quinta-feira com o Gaciba.

“O que teve aqui hoje foi uma arbitragem calamitosa, vergonhosa, que acabou por tirar três pontos do Grêmio. Fomos de forma desavergonhada lesada pela arbitragem aqui no Morumbi” Luz assegura que o discurso não ficará na entrevista no estádio do São Paulo.

O Grêmio seguirá o assunto em outras esferas para evidenciar o descontentamento com os episódios do Morumbi.

Este artigo foi resumido em 51%

Originalmente Publicado: 18 de Outubro de 2020 às 00:33

Fonte: Globo