A Prefeitura do Rio vai fechar a Avenida Niemeyer, a partir desta quinta-feira até o dia 22 de janeiro, para fazer serviços de limpeza na encosta.

Avenida Niemeyer, no Rio de Janeiro, na manhã desta terça-feira - Foto: Reprodução/ TV Globo.

Nesta terça-feira, o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Humberto Martins, indeferiu um novo pedido do Ministério Público do Rio de Janeiro para interditar a via.

O MPRJ recorreu ao STJ para voltar a interditar a via, alegando que ainda há perigo real vida de quem passa por lá. De acordo com o ministro Humberto Martins, o pedido não apresentou “Elementos concretos” para justificar o fechamento da via.

“Não foi colacionado nenhum laudo técnico atual para embasar seu temor com relação a possíveis deslizamentos que possam causar graves prejuízos segurança dos cidadãos”, avaliou o ministro.

No pedido para o fechamento da Avenida Niemeyer, o MP mencionou um possível deslizamento recente e a possibilidade de novos incidentes.

Contudo, de acordo com a prefeitura, o deslizamento mencionado pelo MP teria sido, uma queda pequena e sem motivos para uma nova interdição da via.

Este artigo foi resumido em 26%

Originalmente Publicado: 13 de Janeiro de 2021 às 07:40

Fonte: Globo