Uma semana depois de conquistar o tricampeonato da Libertadores da América, o Palmeiras anunciou que não renovaria os contratos de Felipe Melo e Jailson.

Em entrevista exclusiva concedida ao programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, Maurício Galiotte explicou o que motivou a diretoria a tomar tais decisões.

O Felipe o nosso capitão, temos muita gratidão pelo que ele fez.

Ele gostaria de dois anos a mais, mas o que está definido pelo planejamento institucional do clube? O Palmeiras necessita de reformulação, de tal maneira que foi definido que os nomes de Felipe e Jailson não seriam renovados para o próximo ciclo - comentou, explicando a importância do processo de reformulação do elenco.

São jogadores de muito potencial, mas a dinâmica do futebol exige aos clubes que querem continuar vencendo tomar uma decisão e por isso que decidimos não renovar com eles - completou.

Questionado a respeito de outros jogadores que podem deixar o clube, o mandatário do Verdão despistou.

As definições sobre a permanência de Luiz Adriano, Willian, Danilo Barbosa e Luan Silva, por exemplo, ficarão a cargo de Leila Pereira, que assume a cadeira presidencial neste dia 15..

Este artigo foi resumido em 36%

Originalmente Publicado: 6 de Dezembro de 2021 às 09:00

Fonte: Lance.com.br