A sessão desta terça-feira marca o início da reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central, que termina na quarta-feira com o anúncio do novo patamar da taxa básica de juros, a Selic.

Segundo o último Relatório Focus, do Banco Central, a projeção de que a taxa básica de juros seja elevada para 9,25% ao ano, chegue a 11,25% em 2022 e recue para 8% em 2023.

O governo corre contra o tempo para que a questão seja resolvida com o objetivo de garantir espaço fiscal para o Auxílio Brasil no valor de R$ 400.

Uma das preocupações centrais do governo está agora na PEC dos Precatórios, que vai ajudar a abrir espaço fiscal no Orçamento de 2022 para garantir o pagamento do Auxílio Brasil de R$ 400.

Diante do impasse sobre a questão, Arthur Lira, presidente da Câmara, tem defendido a possibilidade de fatiamento da proposta por meio de uma “PEC Paralela”, o que viabilizaria a promulgação dos pontos em comum aprovados por ambas as casas e o envio de modificações feitas pelos senadores para a análise dos deputados.

Após muita polêmica, o presidente Bolsonaro editou ontem decreto que exclui a Casa da Moeda do Programa Nacional de Desestatização e revoga a qualificação da estatal no Programa de Parcerias de Investimentos.

Depois de dizer que a Petrobras anunciaria uma redução no valor dos combustíveis nesta semana - e levar a Comissão de Valores Mobiliários a abrir processo administrativo contra a estatal -, o presidente Bolsonaro declarou ontem que o preço da gasolina “Tem que cair” com as baixas nas cotações do petróleo Brent, que usado como referência pela Petrobras.

Este artigo foi resumido em 74%

Originalmente Publicado: 7 de Dezembro de 2021 às 11:29

Fonte: InfoMoney