Um homem armado fez um rabino e algumas pessoas reféns em uma sinagoga em Colleyville, no Texas, na manhã deste sábado.

Inicialmente, a imprensa local afirmou que o suspeito seria o paquistanês Muhammad Siddiqi, e sua exigência para entregar os reféns seria a libertação de sua irmã, Aafia Siddiqi, uma condenada por terrorismo que cumpre pena de 86 anos em um centro médico federal em Fort Worth.

No entanto, o advogado de Aafia afirmou que Muhammad está em Houston e não na sinagoga.

O homem ainda não identificado que está na sinagoga pede a liberdade da paquistanesa.

Em julho passado, o governo paquistanês fez uma reclamação contra as autoridades carcerárias depois que a mulher contou a seus advogados que foi agredida por sua companheira de cela e colocada em uma solitária.

Ela foi presa no Afeganistão em 2008 condenada no mesmo ano por uma suposta tentativa de assassinato contra um capitão norte-americano durante sua prisão.

Uma transmissão ao vivo da página do Facebook da congregação durante o serviço matinal de sabbat pareceu capturar a voz de uma pessoa falando muito alto, mas não mostrou a cena no interior do centro religioso.

Este artigo foi resumido em 47%

Originalmente Publicado: 15 de Janeiro de 2022 às 20:22

Fonte: R7.com